Dyslipidemia and its associations in adolescents from of public schools / Dislipidemia e suas associações em adolescentes de escolas públicas / Dislipidemia y sus asociaciones en adolescentes de escuelas públicas

Brenda Monise da Silva, Jayne Ramos Araújo Moura, Anael Queirós Silva Barros, Thaís Fernanda Ribeiro de Moura, Rumão Batista Nunes de Carvalho, Ana Roberta Vilarouca da Silva

Resumo


Objetivo: investigar a relação entre a dislipidemia e as variáveis antropométricas, clínicas, bioquímicas e sociodemográficas, fortemente ligadas ao estilo de vida dos adolescentes. Metodologia: pesquisa quantitativa, analítica, realizada em 18 escolas públicas estaduais localizadas na região Nordeste do Brasil. A amostra resultou em 357 participantes. Utilizou-se formulário estruturado contendo dados pessoais, socioeconômicos, variáveis clínicas, bioquímicas e de estilo de vida. Os dados foram analisados e processados no programa SPSS, versão 20.0. Nível de significância adotado (p< 0,05). O projeto foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pes­quisa da Universidade Federal do Piauí, sob nº 714995 em 10 de julho de 2014. Resultados: as variáveis analisadas exibiram maiores médias para o sexo masculino, diferenças estatisticamente significativa para circunferência da cintura (p=0,001), pressão arterial sistólica (p=0.016) e glicemia (0,001). Os meninos apresentaram menor média para a variável HDL-c (p=0,003). Conclusões: portanto, o conhecimento do perfil lipídico em adolescentes é de extrema importância, para que sejam tomadas providências que visem melhorar à qualidade de vida desses indivíduos.

Descritores: Fatores de Risco. Transtornos do Metabolismo dos Lipídeos. Doenças Cardiovasculares. Obesidade. Adolescente.


Texto completo:

PDF

Referências


Garcez MR, Pereira JL, Fontanelli MM, Marchioni DML, Fisberg RM. Prevalência de Dislipidemia Segundo Estado Nutricional em Amostra Representativa de São Paulo. Arq. Bras. Cardiol. [Internet] 2014; 103 (6): 476-84. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0066782X2014002400006&lng=en

Alcântara Neto OD, Silva RCR, Assis AMO, Pinto EJ. Fatores associados à dislipidemia em crianças e adolescentes de escolas públicas de Salvador, Bahia. Rev. bras. Epidemiol. [Internet] 2012; 15 (2): 335-45. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415790X2012000200011&lng=en

Sociedade Brasileira de Cardiologia. V diretriz brasileira de dislipidemias e prevenção da aterosclerose. Arquivos brasileiros de cardiologia. [Internet] 2013;101(4), Supl. 1:8-13. Disponível em: http://publicacoes.cardiol.br/consenso/2013/V_Diretriz_Brasileira_de_Dislipidemias.pdf

Pires A, Martins P, Pereira AM, Silva PV, Marinho J, Marques M, et al. Insulino-resistência, Dislipidemia e Alterações Cardiovasculares num Grupo de Crianças Obesas. Cardiol [Internet] 2015; 104 (4): 266-73. Disponível em: http://www.arquivosonline.com.br/2015/10404/pdf/10404002.pdf

Faria Neto JR, Bento VFR, Baena CP, Olandoski M, Gonçalves LGDO, Abreu GDA, et al. ERICA: prevalência de dislipidemia em adolescentes brasileiros. Rev. Saúde Pública [Internet] 2016; 50 (Suppl 1): 10s. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rsp/v50s1/pt_00348910rspS0151887872016050006723.pdf

Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa (ABEP) 2014. Dados com base no Levantamento Sócio Econômico 2014 – IBOPE. [Internet] 2014. Disponível em: http://www.abep.org/criterio-brasil

Matsudo S, Araújo T, Matsudo V, Andrade D, Andrade E, Braggion G. Questionário internacional de atividade física (IPAQ): estudo de validade e reprodutibilidade no Brasil. Rev. bras. ativ. fís. Saúde. [Internet] 2001; 6 (2): 05-18. Disponível em: https://periodicos.ufpel.edu.br/ojs2/index.php/RBAFS/article/view/931/1222

World Health Organization. WHO child growth standards: length/height for age, weight-for-age, weight-for-length, weight-for-height and body mass index-for-age, methods and development. Geneva: WHO, 2006. Disponível em: https://www.cabdirect.org/cabdirect/abstract/20063123347

Freedman DS, Serdula MK, Srinivasan SR, Berenson GS. Relation of circumferences and skinfold thicknesses to lipid and insulin concentrations in children and adolescents: the Bogalusa Heart Study1–3. Am J Clin Nutr. [Internet] 1999; 69: 308-17. Disponível em: http://ajcn.nutrition.org/content/69/2/308.full.pdf+html

VI Diretrizes Brasileiras de Hipertensão. Arq. Bras. Cardiol. [Internet] 2010; 95 (1 Suppl 1): 1-51. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0066782X2010001700001&lng=en

Diretrizes da Sociedade Brasileira de Diabetes (2015-2016) / Adolfo Milech...[et. al.]; organização José Egidio Paulo de Oliveira, Sérgio Vencio - São Paulo: A.C. Farmacêutica, [Internet] 2016; 1- 348. Disponível em: http://www.diabetes.org.br/profissionais/images/docs/DIRETRIZES-SBD-20152016.pdf

Keskin M, Kurtoglu S, Kendirci M, Atabek ME, Yazici C. Homeostasis model assessment is more reliable than the fasting glucose/insulin ratio and quantitative insulin sensitivity check index for assessing insulin resistance among obese children and adolescents. Pediatrics. [Internet] 2005; 115 (4): 500-03. Disponível em: http://pediatrics.aappublications.org/content/115/4/e500.full-text.pdf

Guimarães MR, de Sousa Nobre R, de Moura IH, Cortez RMA, de Carvalho RBN, da Silva ARV. Body fat and metabolic syndrome in adolescents/Gordura corporal e síndrome metabólica em adolescentes/Grasa corporal y síndrome metabólico en adolescentes. Revista de Enfermagem da UFPI. [Internet] 2017; 6(3): 30-6. Disponível em: http://www.ojs.ufpi.br/index.php/reufpi/article/view/6110/pdf

Reuter CP, da Silva PT, Renner JDP, de Mello ED, de Moura Valim AR, Pasa L, et al. Dislipidemia Associa-se com Falta de Aptidão e Sobrepeso-Obesidade em Crianças e Adolescentes. Arq. Bras. Cardiol. [Internet] 2016; 106 (3): 188-93. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0066782X2016000300188&lng=en

Casavalle P L, Lifshitz F, Romano LS, Pandolfo M, Caamaño A, Boyer PM, et al. Prevalence of dyslipidemia and metabolic syndrome risk factor in overweight and obese children. Pediatric Endocrinology Reviews [Internet] 2014; 12(2):213-23. Disponível em: http://europepmc.org/abstract/med/25581987

Guimarães RF, Pereira SM, Mazzardo O, Vieira MR, Campos W. Atividade física e alimentação associadas aos perfis antropométrico e lipídico em adolescentes. ConScientiae Saúde. [Internet] 2014; 13 (3): 340-48. Disponível em: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=92932100003

Moschonis G, Mavrogianni C, Karatzi K, Iatridi V, Chrousos GP, Lionis C, et al. Increased physical activity combined with more eating occasions is beneficial against dyslipidemias in children. The healthy growth study. Eur J Nutr [Internet] 2013; 52 (3): 1135- 44. Disponível em: http://europepmc.org/abstract/med/22868822

Hosvsepian S, Kelishadi R, Djalalinia S, Farzadfar F, Naderimagham S, Qorbani M. Prevalence of dyslipidemia in Iranian children and adolescents: A systematic review. Journal of Research in Medical Sciences: The Official Journal of Isfahan University of Medical Sciences [Internet] 2015; 20(5):503-21. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4590206/

Elmaoğulları S, Tepe D, Uçaktürk SA, Kara FK, Demirel F. Prevalence of dyslipidemia and associated factors in obese children and adolescents. J Clin Res Pediatr Endocrinol [Internet] 2015; 7(3):228-34. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4677559/




DOI: https://doi.org/10.26694/2238-7234.7235-40

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



 

Indexado em:




Apoio: