Submissões

Submissões Online

Já possui um login/senha de acesso à revista REVISTA ZABELÊ- DISCENTES PPGANT/ UFPI?
Acesso

Não tem login/senha?
Acesse a página de cadastro

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso.

 

Diretrizes para Autores

 

A Revista Zabelê publica trabalhos originais sob forma de artigos, resenhas, traduções e entrevistas, em português, espanhol ou inglês. Serão aceitas as contribuições de Pós-Graduandos, Pós-Graduados, Graduados e Graduandos.

Fiquem atentos a escolha da seção apropriada para a submissão, podendo ser registrado nas seguintes seções:

  • Dossiê: Submissão de trabalhos que dialoguem o escopo da edição
  • Artigos livres: Submissão de trabalhos em seção livre. Os trabalho não precisam obrigatoriamente dialogar com  o escopo da edição.
  • Ensaios: Trabalho devem seguir fomato de ensaio e precisa dialogar com a temática do dossiê.
  • Traduções de artigos: As traduções não precisam seguir a temática do dossiê.
  • Resenhas: Os tabalhos devem seguir fomato de resenha e precisa dialogar com a temática do dossiê.
  • Entrevistas: Os materiais precisa dialogar com a temática do dossiê.
  • Ensaio virtual: Precisa dialogar com a temática do dossiê


Artigos e Ensaios

Os trabalhos enviados devem ser inéditos, permitido a participação de até 3 autoras/es na publicação, possuir título, resumo entre 100 e 200 palavras e uma lista de 5 palavras-chave (separadas por ponto e vírgula), na língua original do texto e em pelos menos uma das outras línguas de publicação aceitas pela revista (português, espanhol, inglês e francês). Texto entre 10 a 25 páginas. Casos que fugirem às normas ficarão a critério da avaliação das editoras.

Avaliação: Os textos serão inicialmente avaliados pelas editoras em respeito a sua conformidade com as diretrizes de publicação. Logo após, designaremos um parecerista para realizar às duas rodadas de avaliação. Caso os pareceres sejam divergentes, as editoras poderão requisitar uma terceira análise de outra parecerista.

Resenhas

As resenhas pretendem apresentar livros, filmes e projetos de curadoria lançados recentemente (nos últimos 4 anos). Por meio das resenhas, pretende-se fomentar discussões críticas a respeito da interpretação dos fatos, dos métodos adotados, das escolhas teóricas ou das perspectivas nos livros, filmes ou projetos de curadoria. Para preservar a clareza textual, recomenda-se reunir os comentários críticos em uma parte específica, após o resumo propriamente dito. Resenhas contendo críticas alusivas (não fundamentadas) e ataques pessoais serão desconsideradas. O nome da(s) autora(s) não deve(m) constar em parte alguma do texto As resenhas podem ter no máximo 3 autores. Margens superior e esquerda a 3 cm; margens inferior e direita a 2 cm. O tamanho das resenhas é de 4 a 6 páginas. 

Avaliação: Os textos serão inicialmente avaliados pelas editoras em respeito a sua conformidade com as diretrizes de publicação. Logo após, designaremos um parecerista para realizar às duas rodadas de avaliação. Caso os pareceres sejam divergentes, as editoras poderão requisitar uma terceira análise de outra parecerista.

Entrevistas

A seção de entrevistas é voltada para a publicação de entrevistas realizadas com professores reconhecidos no ramo universitário; líderes e ativistas integrantes de movimentos sociais; artistas e qualquer outro indivíduo que possa contribuir para o debate antropológico. Poderão participar da entrevista até 3 autores. As entrevistas devem possuir no máximo 25 páginas, além de conter um documento assinado pelo entrevistado de aceite da entrevista. Margens superior e esquerda a 3 cm; margens inferior e direita a 2 cm.

Avaliação: Correspondendo  as normas da revista, as editoras avaliarão se há necessidade de encaminhar para uma revisão técnica. A avaliadora e as editoras poderão solicitar alterações a serem incorporadas no texto final.

Traduções

 A presente  seção visa fomentar traduções de ensaios, artigos e entrevistas não existentes na língua portuguesa. As traduções de até 25 páginas deverão vir acompanhadas com o título, nome dos autores e nome dos tradutores, com a cópia digitalizada do texto original. É obrigatório referenciar através de uma nota de rodapé a fonte bibliográfica do texto original, de preferência indicando o link de acesso. 


ENSAIO VIRTUAL

Os ensaios visuais contemplam: Grafite, desenhos digitais, colagens, lambes, ensaios fotográficos, desenhos e pinturas. Todas as produções desem estar em consoancia com a antropolgia e o dossiê . Devem conter entre 10 a 15 imagens e ser acompanhados de nome do autor, título em português, inglês ou espanhol e um breve texto de apresentação contendo, no máximo, 600 palavras.

A autora-/ o autor deve submeter em formato word na plataforma da revista, a ordem que será publicada, se torna opcional o uso da legenda desde haja uma contextualização na apresentação das produções. Devem estar claramente identificados os autores, o local e data da produção. Após a confirmação do aceite, o autor será orientado a encaminhar os arquivos em melhor resolução para publicação final. Nessa etapa, é necessário o envio de autorização de uso das imagens pela revista sem ônus para o autor.

NORMAS GERAIS PARA PUBLICAÇÃO

Os trabalhos de todos os gêneros deverão ser realizados em fonte Times New Roman, corpo 12, espaçamento 1,5, com margem esquerda/superior 3 cm, direita/inferior 2 cm.

O título deverá estar centralizado, todo em maiúsculas, em fonte Times New Roman, corpo 16 e em negrito. Subtítulo deverá estar todo maisculo à esquerda e em negrito. No caso de resenha de obras impressas, em lugar do título, utilizar referência completa à obra, por exemplo:

Almeida, Alfredo Wagner Berno. “Cowboy anthropology”: nos limites da autoridade etnográfica. Revista Entre Rios. N°1, p 8–35.

 As notas explicativas devem vir no rodapé da página e as referências devem vir após o texto, ordenadas alfabeticamente.

O recurso itálico deve ser utilizado em palavras estrangeiras, nos títulos (de livros, evento etc.) e para dar ênfase.

As “aspas duplas” são utilizadas em citações diretas com menos de quatro linhas (no corpo do texto), em citações de palavras individuais ou palavras cuja conotação, ou uso mereça destaque.

Citações em língua estrangeira (entre aspas duplas ou destacadas do corpo do texto) não devem estar em itálico.

Imagens que façam parte do artigo (figuras, mapas, tabelas, gráficos inclusive) além de estarem no texto, também devem ser enviadas em separadamente (como documento suplementar ou por e-mail), numeradas na sequência em que aparecem no texto. O título deve ser em negrito, fonte Times New Roman, corpo 12 e centralizada. A legenda em fonte Times New Roman, corpo 10 e centralizada.

Citações

Citações diretas com menos de 4 linhas devem ser feitas no corpo do texto entre aspas duplas.

No corpo do texto, se houver citações diretas, deve trazer o nome do autor, ano e página. Nas citações indiretas é necessário a indicação da página. As citações com mais de 3 linhas, deve estar em destaque, com recuo 4cm, fonte 11 e espaço simples.

Transcrições/citação de falas de interlocutores seguem a mesma norma e não devem estar em itálico, a menos que desejem destacar algum trecho.  Em caso de entrevista, colocar as iniciais da entrevistada.

Deve-se indicar a referência do seguinte modo, preferencialmente ao final de cada citação: (Sobrenome, ano: número da página).

Caso haja citação indireta com referência à obra deverá colocar na seguinte ordem: (sobrenome, ano)

Em citação indireta com referência à página deverá constar o nome do autor e entre parênteses o ano e página: 

Em comentário sobre a obra de Barbara Glowczewski (2015:31-45) categorizo alguns sonhos como que pude ouvir no território como um devir, pois, eram possibilidades de construção de uma realidade futura direcionado pelos seres encantados. Ao realizar um trabalho com o povo Warlpiri na Austrália, observou como o sonho é importante, dado que o sonhar é um processo em que homens e mulheres podem realizar o itinerário mítico. Visto que por meio dos sonhos podem formar conexões ou mapas, no sonhar podem obter cantos entoados nos rituais e desenhos, ou serem avisados de algo. 


Citações subsequentes da mesma obra de uma mesma autoria, isto é, sem que entre elas haja uma citação a outra obra, pode-se elidir autoria e ano do parêntese.

Diferentes referências de uma mesma autoria publicada no mesmo ano devem ser identificados por uma letra após a data (o mesmo deve ocorrer nas Referências ao final do texto), por exemplo: (Sanchis, 2001a); (Sanchis, 2001b).  

Ao usar referências traduzidas, recomendamos indicar a data da publicação do original entre colchetes. Ex: (Strathern, [1941] 2014: 345).

Citações traduzidas pela(s) autora(s) do texto devem ser indicadas com “tradução minha”/ “tradução nossa”. Ex: (Kohn, 2013: 50, tradução minha).

Evite recorrer à citação de citação. Deve ser usado somente quando o texto original é de difícil acesso.

A expressão “et al.” para resumir a referência quando a autoria tem mais de três nomes pode ser utilizada apenas no corpo do texto. Ao final do texto, a referência deve ser sempre completa, constando todas as autoras da obra, sem recurso a “et al.”

Referências

As referências no final do texto deverão estar em ordem alfabética e devem obedecer as seguintes formas:

Livros: Sobrenome, Nome. Título da obra: subtítulo. Número da edição. Local de Publicação: Editora. Ano da obra.

Exemplo:

Clastres, Pierre. A sociedade contra o Estado – Pesquisas de antropologia política.  1a Edição. São Paulo: Ubu Editora. 2017.

Capítulo de livro: Sobrenome, Nome. “Título do capítulo”. In Sobrenome, Nomes. Título da obra. Número da edição. Local de Publicação: Editora. Ano. Página inicial e final do capítulo.

Exemplo: Cunha, Manuela Carneiro da. “Relações e dissensões entre saberes tradicionais e saber científico” In: Cunha, Manuela Carneiro da. Cultura com aspas e outros ensaios. 1. São Paulo: Editora UBU. 2017. p. 304-370.

Trabalhos em revistas/periódicos, impressos/e ou onlines: Sobrenome, nome. “Título do artigo”. Título do Periódico. Número do volume; Páginas inicial e página final do artigo, ano.

Exemplo: 

ALMEIDA, Alfredo Wagner Berno. " “Cowboy anthropology ``'': nos limites da autoridade etnográfica. Revista Entre Rios. N°1, p 8-35

Lima, Tânia Stolze. 2013. “O Campo e a Escrita: Relações Incertas”. Revista de Antropologia aa UFSCar.Nº5, vol 2, p 9-13.

Teses, dissertações e monografias: Sobrenome, Nome. Título da tese. Categoria (Grau acadêmico e área de concentração), instituição, local, ano.

Exemplo:

SOUSA, Lílian Gabriella Castelo Branco Alves de. “Como flores que brotam na terra”: uma etnografia das grandes assembleias Kaiowá e Guarani do estado do Mato Grosso do Sul. Dissertação (Mestrado em Antropologia) – Universidade Federal do Piauí, Teresina, 2019.

 

 


 

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.

  1. Estar adequado de acordo com as normas da revista.
  2. Ser um trabalho inédito, podendo ser escrito em inglês, espanhol ou português.
  3. O arquivo deverá estar em formato Microsoft Word.
  4. O trabalho deve conter entre 10 a 25 páginas.
  5. Os trabalhos submetidos poderão conter a participação de até 3 autores. O trabalho não deve ser identificado, garantindo assim a avaliação dos pares às cegas
  6. Na submissão de trabalhos, devem obrigatoriamente ser informados na plataforma OJS UFPI: nome, ORCID, e-mail, afiliação institucional.

     

 

Declaração de Direito Autoral

 

Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a Licença Creative Commons Attribution que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.

 

Política de Privacidade

A equipe editorial da revista Zabelê afirma que os dados disponibilizados para a revista serão usados única e exclusivamente para os serviços relacionados á publicação. Não sendo disponibilizado para outras finalidades ou a outras pessoas.